História | Luís, 13 anos

Quando chegou ao CADIn pela primeira vez, a mãe do Luís já trazia uma ideia do diagnóstico que iria receber e sabia que esse seria apenas o primeiro passo de uma longa caminhada. O Luís tinha 6 anos e não se integrava na escola. Não tinha qualquer interesse em aprender ou participar nas atividades da turma. Ficava no seu mundo a desenhar estradas, reagindo com agressividade aos pedidos de atenção de professores e colegas.

Com o apoio de uma psicóloga e uma técnica de educação especial, o Luís aprendeu a ler e melhorou muito a sua capacidade de autocontrolo. Desde logo, a mãe assumiu-se como um membro desta equipa, esforçando-se por aprender, continuar o trabalho realizado nas sessões em casa e mantendo uma relação estreita com a escola.

Agora numa fase diferente da vida, a adolescência, o Luís sente-se feliz na escola. É um dos melhores alunos da sua turma. Apesar de ter um comportamento especial, o trabalho de sensibilização da diretora de turma e da psicóloga ajudou os colegas a perceberem essas diferenças e, até, a valorizá-las ao elegê-lo para delegado de turma.

Apoie o CADIn

O CADIn é uma IPSS e os seus projetos de intervenção social dependem exclusivamente do apoio de particulares e empresas.
Conheça aqui as algumas formas de ajudar.